Vitória Gueiros

Londres - UK

“Como a escola era um curso de francês, tive a oportunidade de ter apenas estudantes ingleses na minha sala o que fez com que eu treinasse as duas línguas.”

Bom, minha viagem foi totalmente reformulada aos 47 do segundo tempo e, sinceramente, foi a melhor ?reformulação? da minha vida. Estava estudando francês na Suíça há quase 3 meses e já com os dias contados pra voltar ao Brasil porque não tinha visto para permanecer mais de 3 meses dentro dos países do Tratado de Schengen. Sem querer voltar pro Brasil de jeito nenhum, a Wide salvou minha vida! Graças a atenção das meninas e a preocupação delas, elas correram atrás e acabaram descobrindo que eu poderia cursar francês em Londres porque não teria problema de visto. Sem pensar duas vezes, falei com meus pais e eles resolveram tudo aqui no Brasil, em menos de 20 dias eu já estaria em Londres (aeee!!!).

Malas prontas e parti pra Londres. Chegando la, fui super bem recebida pelo transfer que já estava esperando por mim no aeroporto e fui pra casa de família que iria me hospedar durante esse tempo. Sem contar com as meninas da Wide que foram incríveis e conseguiram uma família francesa em Londres. Não poderia ter ganho uma família melhor! Sabe aquela sensação que mesmo longe de casa, você se sentia em casa?! Essa foi a minha impressão logo de cara. Minha ?mère d?accueil? era muito simpática e atenciosa comigo, me sentia como uma segunda filha dela. Amei demais ela!!

Minha escola tinha uma localização ótima, era bem no centro de Londres, com tudo por perto. Como a escola era um curso de francês, tive a oportunidade de ter apenas estudantes ingleses na minha sala o que fez com que eu treinasse as duas línguas. Professores franceses bem atenciosos e uma dinâmica muito legal, faziam com que as aulas ficassem bem divertidas e proveitosas.

Infelizmente meu tempo em Londres voou e eu tive que voltar pra casa (dessa vez não tive escolha). Mas guardo as lembranças desse intercâmbio com o maior carinho do mundo, sinto saudades todos os dias. E agradeço também as meninas, Barbara e Debora, que estavam sempre me acompanhando, mandando e-mail, super atenciosas comigo. Sem elas, eu não teria nem conseguido chegar lá. Realmente fiquei muito feliz com minha escolha!

GALERIA